quarta-feira, março 09, 2005

Parabéns!




Parabéns, Sr. Presidente Jorge Sampaio, pelos 9 anos de uma Presidência que nos faz sentir orgulhosos de ser portugueses

9 comentários:

Luís Aguiar-Conraria disse...

Quando diz “nos faz sentir orgulhosos”, a quem se refere o “nos”.? O único momento pessoal de orgulho foi durante a atribuição do prémio Nobel a Timor-Leste. Daí para cá só me fez sentir vergonha, quando não nojo.

J.A. disse...

O prémio Nobel não foi atribuído a Timor-Laurosae mas sim a dois timorenses. Esse facto deve certamente constituir um orgulho para os timorenses, mas não para os portugueses: a que propósito é que um galardão atribuído a terceiros deve ser um orgulho nosso?

Os portugueses têm muito com que se orgulhar, felizmente. Gostam do seu Presidente e eles gostam dele. É assim.

Luís Aguiar-Conraria disse...

Não expliquei bem, ou não fui suficientemente explícito. Durante a cerimónia de entrega do Nobel, Jorge Sampaio estava na assistência. Houve uma intervenção de um embaixador indonésio. Jorge Sampaio replicou. Falou em inglês, de improviso e com uma clareza que nunca lhe tinha ouvido. É dessa intervenção que eu tenho orgulho.

Quanto a dizer que “o prémio Nobel não foi atribuído a Timor-Laurosae mas sim a dois timorenses”... isso é óbvio. Quando disse que foi entregue a Timor, estava a usar uma mera imagem. Em sentido figurativo, estava a dizer que aqueles dois Homens carregavam em si o peso de todo um povo. Tenho a certeza que nenhum deles se sentiria ofendido com as minhas palavras, nem pensaria que eu lhes queria retirar o prémio. Lamento que, de facto, tenha pensado que eu acreditava que o Nobel tivesse sido entregue a um território. Terei de passar a ser muito mais explícito, com certeza.

E repito a minha pergunta, com que autoridade diz que os portugueses sentem orgulho em Sampaio? Como lhe digo, eu não sinto. E eu sou português.

pedro silva disse...

parabens pela ironia...só pode dado que em 9 anos este sr. apenas contribui-o para que a instituição pr. perdesse prestigio e estatuto. E as minhas observações nem sequer tem a ver com o que se passou no ultimo ano - além disso estou à vontade;votei neste sr. a primeira vez ,mas se o arrependimento matasse...

pedro silva disse...

parabens pela ironia...só pode dado que em 9 anos este sr. apenas contribui-o para que a instituição pr. perdesse prestigio e estatuto. E as minhas observações nem sequer tem a ver com o que se passou no ultimo ano - além disso estou à vontade;votei neste sr. a primeira vez ,mas se o arrependimento matasse...

J.A. disse...

Mau caro: o orgulho é "de ser portugueses" (não de Sampaio), e no seu caso, se sente vergonha e nojo de ser português (ou será de Sampaio ?), lamento, mas quero acreditar que seja apenas porque tem informações erradas acerca do país, das suas gentes e dos seus feitos.

O Presidente da República, este Presidente da República, representa tudo isso: a consciência crítica das nossas limitações e dos nossos erros - para os quais ele constantemente chama a atenção - mas sobretudo o incentivo para que não desistamos, para que nos motivemos para as reformas e mudanças necessárias.

Temos depois os votos, onde os portugueses exprimem de forma soberana as suas opções. Eu não posso falar em nome dos portugueses, mas nem é preciso: eles falam por si próprios.

J.A. disse...

Caro Pedro: não morra ainda. Sabe, nós somos um estado de direito e temos uma Constituição, que é a lei soberana, lei que atribui poderes ao Presidente da República, e são essas atribuições e competências que o Presidente deve cumprir, e não outras que cada um "acha que". Jorge Sampaio tem cumprido o que a Constituição lhe outorga e exige. Fá-lo há nove anos. Por isso, merece os parabéns.

Luís Aguiar-Conraria disse...

“Mau caro: o orgulho é "de ser portugueses" (não de Sampaio), e no seu caso, se sente vergonha e nojo de ser português (ou será de Sampaio ?),”

Vejo que continua a brincar com as palavras. Pensava que já tinha deixado claro que o meu problema é com Sampaio e não com os portugueses. Como, pelos vistos não ficou, espero que agora seja claro.

Já agora pergunto, se não se sente orgulho na presidência de Sampaio, como é que estes “9 anos de uma Presidência [...] nos [fizeram] sentir orgulhosos de ser portugueses”?

A não ser que seja como Oedro Silva disse. O J. A. é um mestre da ironia e está a querer dizer-nos que nos devemos sentir orgulhosos pois conseguimos sobreviver à pior presidência de que há memória (des o 25 de Abril, claro).

J.A. disse...

Admiro o que Sampaio fez como Presidente da República; não lhe aplico a palavra "orgulho" apenas porque a reservo para algo que considero superior.

A Presidência de Sampaio faz-nos sentir orgulhosos de ser portugueses porque ele salienta a cada momento aquilo que temos de melhor e pior, aquilo que temos de valorizar ou de corrigir, aquilo que faz de nós o povo que somos.